Melhoria contínua nas empresas: O que é?

A melhoria contínua nas empresas pode aparentar ser algo distante da realidade de ser alcançada, mas se olharmos com cuidado para nossa rotina, processos e projetos empresariais veremos que podemos transformar o que é bom em algo ainda melhor.

Na busca por melhoria contínua, podemos esbarrar em várias metodologias, dificuldades e também em grandes benefícios.

Continue a leitura e saiba o que é melhoria contínua!

O que é melhoria contínua?

A melhoria contínua nas empresas tem como intuito a adoção de mentalidade de aprimoramento dentro dos processos de uma organização. Essa ação, serve como estímulo para que cada procedimento interno seja cada vez melhor dentro das estatísticas planejadas para aquela determinada ação.

Para isso, só é possível melhorar aquilo que conhecemos e que de alguma forma seja possível ser metrificado através de indicadores.

A busca por melhoria contínua também pode se relacionar a melhora de desempenho, qualidade, entrega e geração de valor resultando no aumento de competitividade da sua empresa no mercado em que atua em comparativo com os concorrentes.


Onde implantar a metodologia contínua?

Dentro de cada organização existem desafios, falhas, possibilidade de eliminar desperdícios e será aí que a melhoria contínua pode ser sua aliada.

Encontre dentro da sua organização detalhes que devem ser tratados e reavaliados. Converse também com os funcionários pertencentes ao processo, levante informações de como esse “erro” está influenciando de forma negativa o processo e indique como isso pode ser corrigido.

Em determinadas situações o “erro”, poderá ser corrigido ao acrescentar um novo processo, melhora na organização ou disposição dos itens e até mesmo com a adoção de uma metodologia. A escolha de como eliminar esse ponto negativo, pode surgir através da avaliação detalhada do problema a ser enfrentado.

Como começar a implantação da melhoria contínua?

  • Defina Objetivos: Quando identificar uma oportunidade para a iniciar a melhoria contínua, se planeje, escreva os pontos que te levaram a realizar um plano de melhoria, delimite seus objetivos e esforços.
  • Defina Metas: Após definir o objetivo em iniciar a implantação da melhoria, tente definir metas em curto, médio e ao longo prazo. Assim você conseguirá medir, acompanhar e compartilhar a efetividade da melhoria contínua daquela nova ação.
  • Utilize Indicadores: Mensurar os resultados é fundamental para que os gestores, diretores e colaboradores consigam visualizar que a melhoria resultou em determinada ação, te ajudará a dar credibilidade e veracidade as mudanças propostas ou já efetuadas.

A melhoria contínua pode ser de grande relevância quando bem aplicada, acompanhada e mensurada. Esse processo demonstrará o quão importante ela foi para determinado processo, setor ou projeto.

É necessário lembrar que nada fará sentido se não houver um acompanhamento, anotações do processo, modificações e indicadores. São esses os únicos fatores que demonstrarão o fracasso ou sucesso do plano de melhoria.

Por isso, é necessário pensar ou até mesmo rever se os recursos, ferramentas e softwares da sua empresa são capazes de acompanhar e oferecer com agilidade os indicadores para a gestão da melhoria contínua. Precisa de ajuda ou está procurando um sistema customizado para gerir a melhoria contínua da sua empresa? Entre em contato com a gente!

Célio Silva

Sobre Célio Silva

Sócio e Diretor da Delogic Sistemas, com mais de 14 anos de experiência na criação de softwares customizados para pequenas, médias e grandes empresas. Dedico meu tempo livre para aprender e compartilhar artigos sobre Tecnologia, Softwares, Gestão e Qualidade empresarial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *