Norma IATF 16949:2016: saiba mais sobre ela!

Powered by Rock Convert

Você conhece a norma IATF 16949:2016? Ela vem da revisão da ISO/TS 16949, que teve a sua primeira publicação realizada em 1999, utilizando como base a norma ISO 9001 na versão 1994. Por se tratar de uma norma para a Cadeia Automotiva, ela adiciona requisitos à norma ISO 9001:2015, eliminando múltiplas certificações, tais como VDA 6.1, EAQF e AVSQ.

A norma IATF 16949:2016 está totalmente alinhada ao “Pensamento no Risco” conforme a ISO 9001:2015, buscando prevenir problemas antes que eles ocorram, por meio de:

  • foco maior no desempenho operacional, bem como no atendimento das métricas dos clientes;
  • introdução de um maior número de requisitos específicos de clientes;
  • otimização das auditorias, de modo a identificar os aspectos fracos que podem afetar a performance de fornecedores e clientes.

Na revisão, a norma deixou de ser uma Technical Specification da ISO e passou a ser uma publicação exclusiva da International Automotive Task Force (IATF). Logo, a sua nomenclatura de ISO/TS passou a se chamar IATF, e sua publicação se tornou uma primeira edição.

Porém, apesar dessas alterações, a norma IATF 16949:2016 segue a estrutura adotada pela ISO utilizada nas normas de Sistemas de Gestão — o Anexo SL ou HLS (High Level Structure). Outra mudança é que a norma IATF 16949:2016 não traz mais em seu conteúdo o texto da ISO 9001, fazendo apenas referência a ele.

É muito importante deixarmos claro que as empresas deverão, ao escolher o modelo de certificação do Sistema da Qualidade baseado na IATF 16949:2016, obrigatoriamente se adequar aos requisitos da ISO 9001:2015. Isso deve ser realizado na mesma auditoria, não sendo permitidas auditorias separadas.

Também vale ressaltar que, ao implementarmos a norma IATF 16949:2016 em nossa empresa, devemos considerar os requisitos comuns entre as montadoras e os CSR´s (Requisitos Específicos de Cliente). Nesse sentido, a nova revisão ficou mais clara, pois no item 4.3.2 é determinado que os CSR´s devem ser avaliados e incluídos no escopo do Sistema de Gestão da Qualidade.

Mesmo que sua empresa já apresente a ISO 9001:2015 ou ainda não a tenha e gostaria de certificar na IATF 16949:2016, consideramos muito importante realizar um planejamento. Recomendamos seguir, no mínimo, os seguintes passos:

  • treinar todos os envolvidos no Sistema de Gestão da Qualidade, na leitura e interpretação dos requisitos ISO 9001:2015 e IATF 16949:2016;
  • comunicar e conscientizar todos os colaboradores da empresa do início do processo de Certificação do Sistema de Gestão da Qualidade, baseado na norma IATF 16949:2016;
  • capacitar os gestores (donos dos processos e alta direção) nos requisitos aplicáveis, tanto os CSR´s como a norma IATF 16949:2016;
  • formar uma equipe de auditores internos, utilizando os requisitos da norma IATF 16949:2016 e CSR´s;
  • realizar uma auditoria de Gap Analysis (avaliação das lacunas) entre o Sistema de Gestão da Qualidade atual e a exigência da IATF 16949:2016;
  • caso sua empresa não tenha a ISO 9001:2015, realizar uma auditoria de Gap Analysis para verificar as boas práticas utilizadas nas rotinas de trabalho atual;
  • elaborar um cronograma de ações para que as lacunas encontradas na auditoria de Gap analysis sejam solucionadas;
  • repetir a auditoria verificando o quanto a empresa está pronta para receber uma auditoria do organismo certificador;
  • realizar uma análise crítica da direção e tomar as ações necessárias;
  • agendar a data da auditoria de certificação juntamente ao organismo certificador contratado.

Como você viu neste artigo, para as empresas que apresentam a certificação ISO 9001:2015, obter a certificação da norma IATF 16949:2016 não será algo que vai despender muito trabalho. Se o seu negócio já atende o seguimento automotivo é normal que essas exigências já estejam sendo realizadas internamente nos processos internos.

O que deveremos fazer é colocar isso de maneira mais documental, medir, tomar as ações necessárias para obter os resultados esperados e, com isso, fazer com que o Sistema de Gestão agregue mais valor à empresa. Também podemos utilizar essa certificação como um diferencial em relação aos nossos concorrentes, fazendo com que nossa empresa possa ter mais agilidade logística, uma melhor qualidade e até mesmo um menor custo.

Gostou do artigo e quer ler outros conteúdos como este? Então, assine a nossa newsletter e visualize nossos artigos em primeira mão!

Welerson Barros

Sobre Welerson Barros

Parceiro Delogic, consultor Sênior da Teorema, formação em Metalurgia e Mecânica, Auditor Líder - SGQ ISO 9001, IATF 16949 e VDA 6.3.Certificação de Produtos na ABNT. Mais de 20 anos de experiência na área do SGQ e Certificações de Produtos, instrutor de treinamentos, desempenhando atividades no Brasil e no Exterior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *